sexta-feira, 14 de agosto de 2009

Acordo

Nós poderíamos combinar
De um dia desses
Sentarmos para conversar
E então fazermos um acordo:
Por tua parte
Finda as mentiras que tu te crias
Para convencer-te
De que és feliz sozinha.
Do meu lado
Cesso minha covardia
E de uma vez por todas
Te confesso
Que minha vida
Sem ti é vazia.

José Rosa (ZeRo S/A)

6 comentários:

Elaine Lemos disse...

Sem dúvida, um dos que eu mais gostei de ler aqui.

Um beijo.

Sandra Regina de Souza disse...

Assino embaixo. bjo

Daiany Cristina disse...

Nossa que declaração impactante! Gostei muito...bjO!

Anônimo disse...

Gostei muito do poema...Com um toque de Fernando Pessoa..faço eco ao que as meninas disseram...
Abraços,sucesso, paz e poesia
Touché
http://poetasdeguarulhoseoutrosversos.zip.net

Antonio disse...

Passando prá te desejar um bom restinho de semana e agradecer pelas visitas ao meu espaço poético. Abraços, Touché..

http://poetasdeguarulhoseoutrosversos.zip.net

nando disse...

Mas esse meu amigo é um românticu...zinho rsss. Bonita as palavras carinha!!!
Abraços