sexta-feira, 7 de maio de 2010

Surpresa


Pela primeira vez,
Nossas pernas entrelaçadas.
Nossos peitos nus
Apertados, um contra o outro,
Por um abraço sem embaraço.
No meu ouvido ela sussurrou:
Você será o homem da minha vida...
Surpreendido respondi:
Oxalá!
Que assim seja!
Amém!

José Rosa (Zhero S/A)

4 comentários:

Ramon Alcântara disse...

Se fundiram, certamente, de tanto apertar.

abz

Sayô disse...

:D

Elton Pinheiro disse...

Obrigado pela leitura afiada.

Abraço,

Elton

Silvana disse...

Maravilhoso!