sexta-feira, 30 de maio de 2008

Extremos

Hoje, a noite
É de precisões e vontades.
Eu com desejos
De penetrar sua alma
Com meus sentimentos.
E seu corpo
Com meus dedos,
Minha língua,
Meu pau.

José Rosa (ZeRo S/A)

2 comentários:

roy andrade disse...

Muito bom ... Sem tesão não há mesmo solução... abraço, zAntonio...

Antonio disse...

Muito bom..no momento em que partimos em busca do amor,o amor vem em nosso encontro..e nos salva..simples e direto..
abração
touche
http://poetasdeguarulhoseoutrosversos.zip.net